Marketing digital: Como utilizar as redes sociais para atrair mais clientes?

7 min de leitura
Como utilizar as redes sociais para atrair mais clientes
Redes sociais para atrair mais clientes

Não dá para negar que as redes sociais são excelentes janelas de divulgação para os negócios, auxiliando na captação de clientes, aumentando as vendas e contribuindo para o crescimento sustentável de uma empresa, algo que todo dono ou gestor anseia para o seu negócio. Eis que te pergunto: você sabe como investir em estratégias de marketing digital nelas? 

Um dos erros mais comuns das pessoas que começam uma conta comercial nas plataformas de comunicação e interação social é pensar que é só criar uma conta e administrá-la tradicionalmente que as coisas irão fluir. Se tudo fosse fácil assim, absolutamente todas as companhias teriam sucesso digital. Não é mesmo?

No momento de definir a melhor matéria-prima para criar uma mesa rústica de madeira, o dono cuidadoso de uma marcenaria não busca pela alternativa mais simples de conseguir, mas a que trará a melhor relação custo-benefício. O marketing digital para as redes sociais deve funcionar de maneira parecida. 

Quer saber como arrasar nas estratégias e potencializar os resultados digitais – e até mesmo presenciais – do seu negócio? Continue acompanhando esse artigo e confira algumas dicas infalíveis para colocar em prática! 

Tenha um planejamento e defina um cronograma 

“Se quiser derrubar uma árvore na metade do tempo, passe o dobro amolando o machado”. O popular Provérbio Chinês inicia esse tópico para ajudar a entender a importância de ter um bom planejamento. Em suma, ele possibilita identificar a realidade, avaliar as opções que podem ser seguidas e até mesmo antecipar possíveis problemas. 

Por essa razão, o primeiro passo para criá-lo é por meio de um estudo detalhado sobre o mercado e todos os fatores básicos que o compõem, como os produtos e serviços, os concorrentes e o público-alvo. Para isso, você pode usar diferentes ferramentas de gestão e marketing, como a análise SWOT, a matriz BCG, os 4Cs e os 4Ps. 

Depois que você fizer o reconhecimento geral do mercado, é possível definir com mais facilidade os objetivos, as metas e as estratégias de marketing digital que serão utilizadas nas redes sociais. Não só isso, a criação de um cronograma de publicações também é fundamental, visto que a presença constante é algo indispensável para os negócios. 

LEIA TAMBÉM:  O que é uma Landing Page? Como Criar Páginas de Alta Conversão

Faça análises de hashtags e saiba como utilizá-las 

Uma pessoa que cria textos para blogs costuma basear os conteúdos em palavras chaves, que podem ser short tail (ex: balcão), middle tail (ex: balcão refrigerado) ou long tail (ex: balcão refrigerado pequeno). Por mais que até tenha redes sociais capazes de aceitá-las, como o LinkedIn, nem todas trazem retorno. 

É exatamente aí que entram as hashtags, um recurso considerado como as “palavras-chaves” das plataformas de comunicação e interação. Resumidamente, a estratégia consiste na organização e categorização das publicações, permitindo que o público-alvo consiga encontrar informações relevantes durante uma busca. 

É interessante destacar que assim como a definição dos termos utilizados em blogs, as #s também precisam ser escolhidas com base em um estudo sobre os hábitos de consumo dos potenciais clientes. Sobre a atividade, ela pode ser feita com o apoio de aplicativos como o Keyhole, o Magnify e o WebStagram. 

Ademais, é essencial que a utilização delas seja feita da maneira correta, o que pode requerer um pouco mais de atenção. Entre as peculiaridades que devem ser compreendidas e respeitadas, destacam-se: 

  • Evitar utilizar apenas palavras genéricas (ex: #carros); 
  • Não separar os termos principais das hashtags (ex: “#carros de luxo” ou #carros #de #luxo. O certo seria: #carrosdeluxo); 
  • Não utilizar sinais de pontuação e símbolos (ex: @, &, %, $, *, !, +, =, etc). 

Invista em marketing de conteúdo e explore todos os recursos

Não dá para negar que as redes sociais vão muito além de um lugar para compartilhar conteúdos. Desse modo, você nunca deve limitá-las a um contato unilateral, no qual apenas você “fala” e o outro “escuta”. Tendo isso como base, entra a necessidade de garantir que seus seguidores – e potenciais clientes! – interajam com seus posts. 

O marketing digital trabalha diretamente com o marketing de conteúdo, afinal, nenhuma produção ruim traz bons retornos. Um bom jeito de compreender isso é pensando em um exemplo prático. Por isso, imagine um motor Weg 2cv com defeito aplicado em uma máquina industrial nova.

LEIA TAMBÉM:  Gestão de lojas virtuais: 4 dicas para fazer o seu negócio crescer

Indiscutivelmente, o equipamento não irá funcionar como deveria, podendo comprometer todo o sistema. O mesmo acontece quando conteúdos ruins são disponibilizados nas redes sociais, prejudicando o entendimento das mensagens divulgadas e ocasionando em estratégias que não trazem retornos. 

É crucial que a pessoa que está trabalhando com marketing digital saiba que os “conteúdos” não são e nunca foram apenas produções escritas. Imagens, vídeos, webinários, lives, podcasts, infográficos, dentre várias outras opções podem ser utilizadas para alavancar as suas redes sociais, desde que o formato seja aceito pela plataforma.  

Além de todas as vantagens que as redes sociais podem assegurar no feed, com opções de curtir, compartilhar, salvar, reagir, etc, a maioria assegura recursos à parte, como é o caso dos stories e dos shoppings do Facebook e do Instagram, dos spaces e dos trends do Twitter, do espelho de idiomas do LinkedIn, etc. 

Crie desafios e não ignore as propagandas pagas 

Já pensou envolver os seus clientes nas suas estratégias de marketing digital? Pode parecer mentira, mas muitas marcas utilizam este recurso. Pense que você é dono de um hotel ou pousado. Por que você não desafia os seus hóspedes a documentar um pouco da experiência deles nas suas dependências? 

E sabia que esse não é o único desafio possível? Um exemplo muito interessante de estratégia com foco nas ações dos clientes foi desenvolvida pela Freegells em 2018. Explicando de forma simples, a campanha tinha como o intuito aumentar as vendas e o engajamento nas redes sociais a partir do sorteio de um iPhone X. 

Para que uma pessoa pudesse concorrer, ela deveria cumprir os seguintes requisitos: seguir a página oficial da marca no Instagram, postar uma foto com os produtos da marca em seu próprio feed com a #FreegellsnoEnem e deixar o perfil aberto para a conferência do ganhador. Simples, não é mesmo? 

Agora, se você ainda está começando e não consegue arcar com os gastos de uma promoção assim, você pode atrair mais clientes por meio de anúncios patrocinados. Calma, diferente do que muitos pensam, eles não são estratégias caras, podendo ser solicitados por menos de R$5,00 reais. 

LEIA TAMBÉM:  Como Aumentar os Acessos do meu Website

Em hipótese alguma ignore a mensuração de resultados

Nenhuma estratégia de marketing digital termina depois que o conteúdo é colocado no ar, as destinadas para as redes sociais também não! Sendo assim, a última dica é sempre realizar a mensuração dos resultados, identificando as técnicas mais assertivas e corrigindo as que não trouxeram os retornos esperados. 

Gostou do nosso post sobre marketing digital: Como utilizar as redes sociais para atrair mais clientes? Então compartilhe com os colegas e deixe o seu comentário!

Esse‌ ‌artigo‌ ‌foi‌ ‌escrito‌ ‌por‌ ‌Larissa Rhouse,‌ ‌Criadora‌ ‌de‌ ‌Conteúdo‌ ‌do‌ ‌‌Soluções‌ ‌Industriais‌.

CURTIU? COMPARTILHE:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

RECEBA DICAS EXCLUSIVAS DO WORDPRESS

Aumentamos nosso tráfego em 6,197% com o WordPress

Junte-se a centenas de empreendedores que recebem nossa newsletter com dicas privilegiadas do WordPress!

small_c_popup.png

FIQUE POR DENTRO!

Receba dicas GRÁTIS para impulsionar seu negócio na internet!